​ Propósito de ser contraste do mundo

Textos base: Levíticos 11.44; 1Coríntios 5

Ao mesmo tempo em que ilumina o mundo, a igreja também serve de refúgio, lugar de transformação de pessoas. Na comunidade cristã, as práticas e os valores deste século são substituídos pelos princípios do Reino de Deus. É assim, transformados, que os cidadãos desse Reino se tornam santos e vivem de maneira contrastante com o mundo.

Sermão pregado por Pr. David Horta em 9 de julho de 2017, na Igreja Presbiteriana Moriah, Americana, SP.

Propósito de ser luz para as nações

Textos base: Isaías 42.6-7; 49.6; João 1.1-12; 2Coríntios 5.15-21

Com a queda do homem, o pecado e a escuridão passaram a reinar no coração das pessoas. Em seu propósito eterno de restaurar o que o pecado destruiu, Deus levanta seu povo para ser luz às nações.

Sermão pregado por Pr. David Horta em 2 de julho de 2017, na Igreja Presbiteriana Moriah, Americana, SP.

Propósito de edificação mútua

Textos base: Efésios 4; Hebreus 13.17; João 17.20-23, 1Coríntios 13.11

A edificação é algo divino — ela começa no próprio Deus. Ao distribuir dons, o Espírito capacita seu povo espiritualmente para que sirvam uns aos outros e, assim, edifiquem-se mutuamente.

Sermão pregado por Pr. David Horta em 25 de junho de 2017, na Igreja Presbiteriana Moriah, Americana, SP.

Propósito de cultuar a Deus

Textos base: 1Pedro 2.9-10; Êxodo 20.1-11; 1Coríntios 10.31, 14.26,40; Hebreus 10.24-25; Atos 2.42-47

O culto a Deus começa por entender quem ele é  o Criador absoluto de todas as coisas e por que merece ser cultuado — ele verdadeiramente nos torna livres e satisfaz nosso coração. O adorador de Deus o cultua em todo momento e em tudo o que faz, seja individual, seja coletivamente.

Sermão pregado por Pr. David Horta em 18 de junho de 2017, na Igreja Presbiteriana Moriah, Americana, SP.